Ilumine-se!!!

Padrão

Aprenda sobre as texturas, as cores e os jeitos de aplicar e brilhe com seu make!

 

  • Creme: essa textura é a mais prática para aplicar em vários pontos do rosto, mas é a que menos dura nos dias quentes e deve ser evitada por peles oleosas. Aplique com a ponta dos deods ou com um pincel. Use essa textura no canto interno dos olhos, na região das têmporas, em um pontinho entre as sobrancelhas e, caso você seja super expert no assunto, na extensão do nariz e no “V” do lábio superior.
    Cores: use tons cintilantes, em pérola ou champanhe. Deixe o tom prateado de lado, ele também não deixa o efeito muito natural.
  • Líquido: passe uma pequena quantidade do produto nos pontos que deseja realçar e espalhe suavemente com a ponta dos dedos ou com um pincel para base. Com esta textura, valorize áreas como o centro do rosto e as têmporas. Se você tem pele seca, também pode diluir o iluminador líquido em um hidratante e passar em todo o rosto e nos ombros. Passe uma camada bem fina de pó compacto por cima para fixar o efeito e evitar oleosidade.
    Cores: tons claros de bege, pérola e champanhe ficam bem para a maioria das meninas.
  • Lápis: a textura é um misto de pó e creme, bem densa. Aplique o lápis diretamente no canto interno ou no contorno da parte interna dos olhos, nas pálpebras inferiores.
    Cores: Prefira tons amarelinhos, beges, rosados… sempre o mais natural possível. O lápis branco segue a regra geral e deixa o look um pouco fake: deixe-o de lado.
  • Pó: esta textura tem boa fixação e pode ser usada por todos os tipos de pele. Aplique no canto interno dos olhos para realçar o olhar, usando um pincel para sombra. Com o pincel de blush, aplique perto das têmporas, em cima do osso da maçã do rosto, para iluminar as bochechas.
    Cores: Use tons claros em bege, dourado, ou rosa. Nunca arrisque um iluminador branco – essa cor não existe naturalmente em nenhum tom de pele, o que deixa o efeito bem artificial.

Dica: se você quer muito, muito usar um iluminador prata, use-o como sombra, nas pálpebras superiores. Assim você não corre o risco de errar e deixar o make artificial.

Quem deu as informações: Vanessa Rozan, maquiadora sênior da MAC.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s